quarta-feira, 25 de agosto de 2010

Chuva de corações



Ao invés de chuva de arroz ou pétalas esse casal optou por chuva de coraçõezinhos! Adorei!


4 comentários:

aninha disse...

EU AMEIIIII
nossa q ideia fantastica!
eu qrooo!!!!
:D
bjO

Bruna Reis disse...

Adoreiiii demais..

Lindo, lindo, lindo...
Muito legal seu blog.
bjs

Daiana M. Santos disse...

Nossa que diferente! adorei o efeito que dá.

Então Carol estou de 37 semanas... minha princesa chegará em breve :) ja estamos na contagem regressiva...hehehehe
nossa eu tb fiz uma reforma no apt que estou morando! mais eu estava de 6 meses, é uma correria mesmo né?!

Bjos e tenha uma otima terça.

Cintia Branco disse...

Carol,

Paciência é uma palavra que não consta no meu dicionário, rs. Concordo com você que nas regras o amor também transparece e que limites são importantes e vitais para o desenvolvimento humano, mas como falei no post, deliberamos, eu e meu marido, um antropólogo (imaginou?) e chegamos ao consenso do quarto, que acabou não dando certo, pois o moleque venceu barreiras.
Entendo que a educação dos filhos é uma constante tentativa de acertos e erros, fazemos sempre tentando o melhor, pensando no melhor e confesso que os conceitos que eu tinha antes de ter filho mudaram bastante, o que é bom de certa forma.
Quando temos filhos percebemos que uma parede é apenas uma parede e pode significar apenas uma parede, entende?
Temos outros momentos para ensinar, para cobrar, para passar valores e conceitos.
E o mais importante é que uma mãe sabe quando algo foi feito por bagunça ou desrespeito as regras ou se de fato foi concebido num momento de descoberta.
Li o post para meu filho, agora com 6 anos, ele riu e na mesma hora já disse que hoje não faria mais, que tudo tem o lugar certo e a hora certa para fazer, mas que foi divertido lembrar da história.
Então nâo estou te todo errada, rs.
Beijos e bom final de semana

Blog Widget by LinkWithin